top of page

Blog

20191018_113410.jpg

Por Lourdes Ballesteros, Cofundadora da Rede pelo Patrimônio Mundial


Hoje, 16 de novembro, celebramos o Dia Internacional do Patrimônio Mundial e queremos celebrá-lo com uma grande novidade: o primeiro jogo do Patrimônio Mundial na Espanha desenvolvido pela equipe da APPangea em colaboração com a Rede pelo Patrimônio Mundial.

O objetivo do jogo é divulgar os bens do Patrimônio Mundial entre os estudantes e conscientizar sobre a importância de valorizar e conservar o patrimônio local, regional e global.

A Rede pelo Patrimônio Mundial e APPangea publicam o primeiro jogo sobre Patrimônio Mundial na Espanha

O jogo presenta o Patrimônio Mundial na Espanha de diferentes perspectivas: histórica, geográfica, cultural, artística... Além disso, as atividades se baseiam na gamificação e no conteúdo de qualidade, o que incentiva um maior aprendizado e interesse pelo assunto.


O Jogo de divulgação e descoberta do Patrimônio Mundial está organizado em:


1. Modo Descobrir:


Aqui se explica que o título de Patrimônio Mundial é o reconhecimento que a UNESCO concede a sítios de grande importância cultural ou natural para a Humanidade. Atualmente, a Espanha possui 49 bens e ocupa a 4ª posição entre os países com mais bens declarados Patrimônio Mundial, depois da Itália com 58, China com 56 e Alemanha com 51.

Espanha possui 49 bens e ocupa a 4ª posição entre os países com mais bens declarados Patrimônio Mundial

No Modo Discobrir, os benss são classificados por tema (cultural, natural, cidades...) e período (Pré-história, Idade Média, Idade Moderna...). Além disso, inclui uma breve explicação do vocabulário técnico. Há também uma descrição e imagens de cada bem, tudo apresentado de forma simples e flexível para trabalhar com estudantes de diferentes níveis e idades.



Esta forma inovadora de apresentar o conteúdo encoraja o trabalho por projetos. Os estudantes podem planejar rotas turísticas, descobrir os bens de cada região, propor planos de conservação sustentável, refletir sobre o impacto econômico que o Patrimônio Mundial pode ter e a relação entre a "Espanha vazia" e os bens da humanidade...


2. Jogo de localização:


Uma vez que os jogadores navegam pelas informações no Modo Descobrir, eles poderão responder a perguntas formuladas de diferentes maneiras: utilizando imagens, textos, desafios de localização... A unidade é estruturada em módulos que apresentam os bens de acordo com a temática e critérios temporais. Assim, o conteúdo é trabalhado de forma progressiva, classificado e ordenado cronologicamente.

O jogo utiliza imagens, textos, desafios de localização...

As primeiras perguntas são para descobrir características. O estudante navega pelo mapa consultando as informações sobre cada bem para responder as perguntas. Uma vez descobertas as características do bem, surgem as perguntas sobre localização e identificação da imagem. Os estudantes respondem perguntas como "Onde está? O que é?" interagindo com o mapa, onde encontram todas as informações. Em resumo, eles se familiarizam com os sítios do Patrimônio Mundial na Espanha e descobrem sua relação com a história, a geografia e seu valor universal excepcional.

9 visualizações0 comentário

Por Lourdes Ballesteros, Cofundadora da Rede pelo Patrimônio Mundial


Um dos pilares da Rede pelo Patrimônio Mundial são as escolas e entre os seus objetivos sobressaem a promoção da paz, o respeito entre os povos e o empoderamento das pessoas para defender, através destes valores, o Patrimônio Mundial.


Em fevereiro de 2022, a Rede pelo Patrimônio Mundial expressou num comunicado a sua mais profunda tristeza e rejeição da invasão russa da Ucrânia. Apelámos ao respeito pelos direitos humanos e pela vida das pessoas e apelámos também para assegurar a prevenção de danos ao Patrimônio Mundial em todas as suas formas. Mas queríamos ir um passo mais longe.

Apelámos ao respeito pelos direitos humanos e pela vida das pessoas

Por conseguinte, na primeira metade de 2022, a Rede propôs às escolas o desenvolvimento de um projeto conjunto para trabalhar sobre o Patrimônio Mundial na Ucrânia. Apresentamos agora a publicação que compila os projetos desenvolvidos pelas escolas da Rede pelo Patrimônio Mundial a favor das pessoas e dos sítios do Patrimônio Mundial na Ucrânia.

Durante o trabalho de compilação sentimos que, nas escolas, nos colégios e nas instituições de ensino e formação profissional, os objetivos propostos foram alcançados: conhecimento, apreciação e divulgação do Patrimônio Mundial em perigo na Ucrânia.

Em todos os projetos há uma mensagem de PAZ e de solidaridade para o povo ucraniano

Além disso, ficámos comovidas com a leitura dos trabalhos porque em todos eles há uma mensagem clara e vigorosa, uma mensagem de PAZ e de solidariedade para o povo ucraniano.

É por isso que gostaríamos de agradecer às escolas da Rede que participaram e promoveram o sentimento de humanidade comum nas suas instituições. Esperemos que esta guerra sem sentido acabe em breve e que possamos viver num mundo onde a vida e os tesouros da humanidade sejam respeitados.

4 visualizações0 comentário

A passada quarta-feira 6 de abril, a Rede pelo Patrimônio Mundial foi convidada a participar do evento Programa de Gestores organizado pelo Grupo Rabbit.


Com a presencia de mais de 600 diretores e coordenadores de escolas de todo o Brasil o evento começou super animado. Teve a apresentação de covers de grandes mitos da música mundial de várias épocas, que cantaram ao vivo musicas para entendermos as mudanças e diferenças que existem entre as gerações e a importância de ser olhadas e consideradas na gestão das escolas.


Da mão do CEO, Christian Rocha Coelho do Grupo Rabbit Educação, foram entregues duas palestras com conteúdo de extrema relevância sobre gestão e boas praticas nas escolas. Apresentou o tema ‘Está na hora de fazer arte, uma nova ótica sobre os processos de liderança geracional" e a pesquisa geracional realizada com mais de 15 mil pais de alunos das escolas parceiras da Rabbit. O evento também contou com uma feira de exposição com stands de principais players do setor educacional do Brasil.


Nosso mais sincero agradecimento pelo convite a Giselle Alves, Gerente de Vendas do Grupo Rabbit.


7 visualizações0 comentário
bottom of page